População no sistema prisional português: evolução e tendências entre 2000 e 2017

Leote de Carvalho, M.J., Gomes, S. ORCID: 0000-0001-5503-0037, Duarte, V. and Oliveira, R., 2022. População no sistema prisional português: evolução e tendências entre 2000 e 2017. Revista Crítica de Ciências Sociais, 127, pp. 115-142. ISSN 0254-1106

[img]
Preview
Text
1545047_Gomes.pdf - Published version

Download (479kB) | Preview

Abstract

Este artigo apresenta uma reflexão sobre as principais tendências identificadas na evolução da população recenseada no sistema prisional português, entre 2000 e 2017. Partindo de uma análise que cruza as alterações no campo do direito penal com os dados estatísticos oficiais e relatórios e estudos nacionais e internacionais sobre a aplicação da pena de prisão no país, pretende-se compreender e identificar alguns dos desafios colocados ao sistema pelo movimento da população prisional, assim como pelas mudanças registadas no perfil desta população. A evolução e tendências identificadas permitem indagar sobre o impacto da lei e contribuir para identificar alguns dos caminhos que falta traçar em resposta aos imperativos legais internacionais em matéria da população a cumprir pena privativa de liberdade.

Item Type: Journal article
Publication Title: Revista Crítica de Ciências Sociais
Creators: Leote de Carvalho, M.J., Gomes, S., Duarte, V. and Oliveira, R.
Publisher: Universidade de Coimbra, Centro de Estudos Sociais
Date: 1 May 2022
Volume: 127
ISSN: 0254-1106
Identifiers:
NumberType
1545047Other
Rights: https://creativecommons.org/licenses/by/4.0
Divisions: Schools > School of Social Sciences
Record created by: Laura Ward
Date Added: 28 Jun 2022 10:40
Last Modified: 28 Jun 2022 10:40
URI: http://irep.ntu.ac.uk/id/eprint/46492

Actions (login required)

Edit View Edit View

Views

Views per month over past year

Downloads

Downloads per month over past year